Terça, 11 Abril 2017 17:43

Circuito Sesc de Artes confirma programação e apresentações em Garça no mês de maio

Escrito por
Avalie este item
(1 Votar)

 

Uma reunião envolvendo a equipe técnica que promove o Circuito Sesc de Artes e a Secretaria Municipal de Cultura definiu os detalhes das apresentações que serão desenvolvidos no dia 13 de maio em Garça. A programação será gratuita, com espetáculos de artes visuais, cinema, literatura, circo, música, dança e teatro, na Concha Acústica do Lago Artificial J.K. Williams. 

As apresentações terão início às 17h, se estendendo até às 21h30, com diversas novidades que nunca estiveram em Garça. Os horários ainda não foram confirmados, mas estará em Garça um “Gabinete de Curiosidades e Habilidades”, com programação inspirada pelos “traveling shows”, com antigos carros itinerantes que iam de cidade em cidade, apresentando toda sorte de atrações artísticas e curiosidades, com projeto cenográfico de William Zarella.

“Trata-se de um trabalho que visa a democratização do acesso à cultura. A contrapartida é ínfima ao município. Requer que tenhamos atenção com as mínimas estruturas, mas é um grande presente para todos nós. Será muito bom para nossa comunidade mais uma vez receber o Circuito Sesc de Artes. Eles priorizam a questão do ineditismo em termos artísticos e estamos muito contentes”, disse a secretária de Cultura de Garça, Susy Mey Truzzi.

Nas artes visuais, o destaque fica por conta dos “Amuletos na Impressora 3D”, do grupo Sítio do Astronauta. Nesta oficina, cada um constrói ou conserta seu próprio objeto, fazendo uso da criatividade e de habilidades para concretizar uma ideia. O público entra em contato com essa realidade e cria um amuleto em impressora 3D. Depois da impressão, trabalha a pintura e customização do objeto.

Haverá ainda a exibição de curtas-metragens dirigidos e protagonizados pelo cineasta e ator inglês Charles Chaplin, criador do personagem Carlitos, bem como um acervo de livros ilustrados será oferecido por dupla de mediadores de leituras individuais e compartilhadas.

Circo
A Companhia Um Pé de Dois (RS) apresentará “O Homem Banda”. Neste espetáculo de um homem só, o artista se reveste de uma parafernália musical, feito uma armadura, e canta acompanhado de acordeom, bumbos, apitos e pratos. O movimento de seu corpo não só acompanha a música, mas é ele que a produz, soprando apitos ou batendo os pés para acionar os instrumentos.

Dança
Serão duas apresentações de dança. Na primeira, da Companhia Domínio Público (SP), dois bailarinos se empurram e puxam, se atacam e se esquivam, conduzem e se entregam, em um jogo que destaca a dependência dos corpos. O espetáculo “Suportar” tem trilha sonora original executada ao vivo por um contrabaixista. A apresentação conta com uma coreografia que vai do festo mais simples às quedas mais arriscadas.
Com o Cine Dance! (SP), o público se apropria de coreografias icônicas do cinema em uma instalação interativa. Munidos de figurino e fones de ouvido, os participantes dança, guiados por cenas como os clássicos passos de Gene Kelly na chuva, de Singin’ In The Rain, ou a dança imperdível de Jennifer Grey e Patrick Swayze, em Dirty Dancing.

Teatro
O Grupo Galpão (MG) apresentará o espetáculo “De Tempo Somos”. Será um sarau que celebra o encontro da música com o teatro, marca do grupo mineiro. Os atores cantam e executam ao vivo canções de espetáculos antigos e recentes, além de músicas inéditas. Excertos de textos de autores como Tchekhov e José Saramago pontuam a apresentação.

Música
Os cinco músicos do grupo Mustache e Os Apaches iniciaram sua trajetória pelas ruas de São Paulo com banjos, bandolins, percussão e washboard. Suas composições de folk e bluegrass apontam múltiplas influências, de arranjos do Leste Europeu à música nordestina e gaúcha. A banda exibe um quê de psicodelia com toques de vaudeville.